seg
jul 12th

Manipulando branches remotos com Git ...

Reorganizando meus projetos no Github me deparei com o problema de ter criado muitos branches locais e remotos e tudo estava uma grande bagunça. Os comandos que me ajudaram a resolver isto foram:

Dado os branches locais

macos-snow ~/project (master) git branch
* master
  fix_counter
  rails3-version

Para criá-los remotamente use

macos-snow ~/project (master) git push --all

Ou para um branch específico

macos-snow ~/project (master) git push origin rails3-version

Para apagar branches locais

macos-snow ~/project (master) git branch -D rails3-version

Para apagar branches remotos

macos-snow ~/project (master) git push origin :rails3-version

Renomear branches locais

macos-snow ~/project (master) git branch -m old_branch new_branch

As referências que encontrei para renomear branches remotos não me foram úteis por isso fiz da forma mais prática renomeando o branch local, enviando para repositório e apagando o branch remoto antigo.

Referências:
- Help Github
- Git ready

dom
fev 1st

Diferenças entre comandos básicos Git e SVN ...

Introdução

O que é Git?
Sistema de controle de versão distribuído onde não temos um repositório central e cada cópia do projeto principal torna-se um repositório local ou remoto.

O que é branch?
Read full story »

sex
jan 9th

Criando branches no Git ...

0) Instale e configure o Git.

1) No GitHub encontre o Clone URL do projeto.

2) Pelo terminal (Git Bash) entre na pasta onde será criado o projeto (Ex.: C:\projetos) e digite:

git clone git://github.com/nome_usuario_github/nome_projeto.git

3) Entre na nova pasta adicionada e crie um branch chamado working:

cd nome_projeto
git branch working master

4) Alterne para o branch working:

git checkout working

5) O branch onde estamos aparecerá com asterisco ao digitar:

git branch
  master
* working 

6) Crie um arquivo e adicione ao branch:

touch README.txt
git add README.txt

ou

git add .

ou

git add -i

- O primeiro adiciona o arquivo especificado, lembrando que README.txt é diferente de readme.txt.
- O segundo adiciona todos os arquivos modificados, excluídos ou incluídos.
- O terceiro adiciona interativamente(i). Uma lista será exibida para que cada arquivo seja incluído individualmente.

7) Faça o commit das alterações (ainda estamos no branch working) e depois liste os arquivos para ver o que temos:

git commit -m "Primeiro commit no branch working"
ls -la

8 ) Agora volte para o branch master e liste os arquivos:

git checkout master
ls -la

O arquivo README.txt não foi listado. Ele existe apenas no branch working, ou seja, o código original continua intacto.

É possível criar diversos branches e trabalhar uma parte do código em cada um deles sem alterar o branch original e depois juntá-los gradativamente assim que cada alteração fique pronta.

Consulta rápida dos comandos e fluxo do Git (Cheat Sheet)

Referências:
- Guia rápido para o GIT
- Micro Tutorial de Git